breadcrumbs

Entenda como funciona a aplicação do botox para bruxismo

botoxparabruxismo-746x413

07.05.2021 | POR: Fabricio

Entenda como funciona a aplicação do botox para bruxismo

Você, certamente, já ouviu falar do botox. E da aplicação de botox para bruxismo? Essa função da tão famosa toxina botulínica talvez ainda seja desconhecida pra você, mas a partir de agora, você saberá tudo sobre o botox usado na correção desta disfunção.
É bastante comum associar botox com tratamentos estéticos, principalmente na suavização de rugas e marcas de expressão no rosto. E é bem verdade que o botox cumpre com maestria esse papel.
Mas, para além desta característica, o botox ainda desempenha um importante trabalho terapêutico, agindo em tratamentos para dores faciais e da sialorréia, problemas relacionados à articulação temporomandibular (ATM) e bruxismo.
Neste post, concentraremos o assunto no botox para o bruxismo. Entenda o que é esta disfunção e como a aplicação da toxina pode aliviar os sintomas e colaborar com o bem-estar e a saúde do paciente.

 

Para começar, entenda o que é bruxismo

Você sabia que cerca de 40% da população brasileira tem bruxismo? 
Segundo dados da Organização Mundial da Saúde (OMS), a disfunção acomete 84 milhões de pessoas.
Muita gente, não é mesmo?
O bruxismo é uma contração inconsciente ou involuntária dos músculos da mastigação, que acaba resultando no ato de ranger os dentes ou apertá-los fortemente.
Apesar de ser mais comum durante o sono, pode acontecer também quando a pessoa está acordada. Esta situação leva o nome de “bruxismo sob vigília” ou “briquismo”.

Causas do bruxismo

Não existe uma causa única relacionada ao bruxismo, por isso é considerada uma disfunção multifatorial.
O bruxismo é muito ligado, entretanto, a fatores emocionais. Ou seja, situações que geram ansiedade, estresse ou tensão podem estar diretamente associadas ao surgimento ou até mesmo ao agravamento desta disfunção.
Além disso, há de se considerar ainda fatores genéticos e até mesmo alterações orais, como má oclusão dentária ou desalinhamento nos dentes, por exemplo.
Outros fatores como má qualidade do sono, consumo excessivo de cafeína, tabaco, álcool, estimulantes podem resultar no aparecimento do bruxismo.
Assim, não existe um perfil específico de paciente que teria mais predisposição a desenvolver. Tudo precisa ser avaliado pelo profissional competente para identificar as possíveis causas.

Bruxismo causa fortes incômodos

Você já ouviu alguém rangendo os dentes enquanto dorme? A pressão é tão forte que, muitas vezes, é capaz de acordar quem está do lado.
Agora pense, todas as noites enrijecendo a musculatura a esse nível, não seria de se espantar que outros problemas surgissem a partir do bruxismo.
Entre os mais comuns estão enxaqueca, a pessoa já acorda com fortes dores na cabeça, dores na mandíbula, nos músculos da face e do pescoço.
Além disso, podem ainda surgir enrijecimento das articulações, dores no ouvido, estalos ao abrir e fechar a boca, mordeduras da bochecha, doenças periodontais, desgastes atípicos e hipersensibilidade dentária.
Em casos mais avançados, o bruxismo pode até mesmo trincar os dentes ou quebrar restaurações.O botox para bruxismo: como funciona?
Agora que você já sabe que o bruxismo é uma contração forte e involuntária dos músculos da face, fica mais fácil pensar que uma das possíveis soluções poderia ser o relaxamento destes músculos.
E é bem isso que o botox faz. 
O botox age relaxando ou até mesmo paralisando os músculos faciais. É por isso que ele é capaz de, inclusive, prevenir o surgimento de rugas.
Pois com a musculatura relaxada, a pessoa realiza movimentos de expressão facial mais amenos, o que colabora para que as rugas dinâmicas não se tornem estáticas.
Esse é o mesmo princípio de ação no caso do botox para bruxismo. Nesse caso, ele diminui a força de contração muscular que resulta no apertar ou no ranger dos dentes.
Assim, ocorre um alívio na tensão muscular prevenindo os incômodos que citamos acima.
Veja outras indicações para uso do botox.
É possível aplicar botox na boca?

Como é feita a aplicação de botox para bruxismo

A aplicação de botox costuma ser bastante rápida e simples, mesmo a realizada para tratar o bruxismo.
Assim como o procedimento feito com indicações estéticas, o botox para o bruxismo também é realizado por meio de injeções nos músculos que causam o problema.
Essas microinjeções são, portanto, injetadas nos músculos da mastigação, como o masseter e o temporal, de cada lado da face.
O procedimento total não passa de 30 minutos e é feito pelo próprio cirurgião-dentista em consultório.
Além disso, o tratamento é praticamente indolor, mas para aqueles mais sensíveis à dor, pode-se aplicar anestésico tópico para aliviar algum possível desconforto.

Qual o tempo de ação do botox no tratamento do bruxismo?

Aqui o botox também age semelhante ao tratamento estético e, infelizmente, não é definitivo.
Via de regra, o botox para bruxismo pode fazer efeito por até 6 meses, mas existem casos de pacientes em que uma reaplicação já é indicada com 4 ou 5 meses.
Daí a importância do acompanhamento personalizado com o seu cirurgião-dentista de confiança.
Sendo assim, a aplicação de botox para bruxismo a cada 6 meses seria razoável para manter sempre o efeito da substância.
Outro ponto a se destacar é que, apesar de bastante rápido, esse efeito não aparece de imediato.
Em geral, nota-se alguma diferença nos primeiros 2 ou 3 dias, mas a partir da primeira semana é que o resultado torna-se significativo.

Complicações no uso do botox para bruxismo

Um dos grandes receios de quem opta por fazer o tratamento do bruxismo com o botox é achar que poderia haver comprometimento motor da boca.
Mas essa possibilidade é inexistente, principalmente se for aplicado por profissionais capacitados.
Aliás, se realizado da forma correta, o botox não tem nem mesmo efeitos colaterais significativos. É um procedimento extremamente seguro.
O máximo que pode acontecer é surgir alguma sensibilidade local, vermelhidão ou ardência no local de aplicação, que desparece em seguida após algumas horas do procedimento.
Se você sofre com o bruxismo ou conhece alguém que tenha a disfunção, faça ou sugira uma avaliação na Expodonto.
Nossos profissionais são habilitados para a realização deste procedimento e tantos outros relacionados à saúde bucal, estética e bem-estar.
Entre em contato agora mesmo e tire todas as suas dúvidas sobre a aplicação do botox para bruxismo.
Eu sou o Dr. Fabricio Pessone, cirurgião-dentista, especialista em Ortodontia, Cirurgia Oral e Harmonização Orofacial (HOF) e Membro da Associação Brasileira de Harmonização Orofacial (ABRAHOF).
Entre em contato agora mesmo e agende a sua avaliação comigo!
Será um prazer te receber!

RELACIONADOS

preenchimento-labial-746x413
  • 16.03.2021 | POR: Fabricio

Lábios volumosos e bem contornados: o preenchimento labial faz isso por você

Desejo da maioria das mulheres: lábios volumosos e bem contornados. E, cá entre nós, uma mulher com a boca ao estilo Angelina Jolie não quer guerra com ninguém, não é mesmo? Mas se você não foi uma privilegiada da natureza, não se preocupe. O preenchimento e a escultura dos seus lábios é a solução para […]

leia mais
Mesoterapia-746x413
  • 30.04.2021 | POR: Fabricio

Mesoterapia facial devolve firmeza e ameniza rugas de expressão

Resultados após o procedimento de mesoterapia facial já podem ser vistos a partir da primeira aplicação; conheça a técnica.

leia mais
Botox dói: Entenda e veja qual região é mais sensível
  • 21.07.2021 | POR: administrador

Botox dói? Entenda como é a aplicação e a região mais sensível

Uma dúvida que, com certeza, já passou pela cabeça de muita gente: botox dói? O procedimento de botox atrai cada vez mais pessoas interessadas em tratamentos de rejuvenescimento para a pele. Mas, ao mesmo tempo, o medo da agulha também causa certo receio. Principalmente se você já tem um histórico de más lembranças com procedimentos […]

leia mais

NEWSLETTER

Receba dicas em seu email