breadcrumbs

Fiz e não gostei: o botox é reversível?

Cute girl receiving hyaluronic acid treatment

24.05.2022 | POR: administrador

Você conhece alguém que passou por algum procedimento para retirar a toxina botulínica? Aliás, o botox é reversível?

O botox, em sua finalidade estética, é um dos tratamentos mais procurados por homens e mulheres em praticamente todas as clínicas e consultórios no país. Aqui na Expodonto, ele é, de longe, o procedimento que mais realizamos. 

Os seus resultados extremamente satisfatórios e os baixos riscos da técnica explicam a demanda cada vez maior. 

Mas, apesar disso, o paciente pode não se identificar com o resultado ou, na pior das hipóteses, pode haver um erro ou intercorrência na aplicação, o que, certamente, prejudicará o objetivo final. 

Normalmente, o paciente acaba por esperar a absorção natural da substância pelo organismo, mas o fato é que ele não precisa aguardar este tempo, se não quiser. 

O botox é reversível e são sobre as alternativas para reverter a sua ação na face que falaremos ao decorrer deste artigo.

Vem saber mais!

O botox é reversível? Fiz e não gostei!

Como dissemos ali no início deste texto, não é comum reverter o botox, mas é normal. Ou seja, caso você precise algum dia fazer, saiba que é um procedimento que, sim, existe.

Inclusive, se você ainda não fez por medo de não gostar do resultado e ser obrigado (a) esperar o tempo da substância, agora você pode considerar que existe uma solução para este receio. 

Diga-se de passagem o receio mais comum entre os pacientes.

Dr. Fabricio, e se eu não gostar? 

Ou ainda: e se der errado?

Essas são as duas principais causas para optar pela reversão do botox, que pode ser feita, com resultados incríveis, em até 15 dias após a aplicação. 

Mas antes da gente explicar como o botox é reversível, entenda a sua ação no organismo.

Tem como reverter o preenchimento labial?

Como o botox é eliminado do organismo?

Vamos entender o mecanismo de ação do botox. Primeiro que o botox é o nome comercial para uma toxina, a toxina botulínica, que é produzida por uma bactéria, a Clostridium Botulinum.

Sim, é a mesma bactéria que causa o botulismo, doença que causa paralisia e morte. Mas esse não é o foco deste artigo e, já de antemão, afirmo que não há risco de botulismo na aplicação de botox.

Bom, ao introduzir a substância na face, ela se liga aos neurônios responsáveis pela movimentação dos músculos. Uma vez que atinge o citoplasma, ela procura uma estrutura celular que libera a acetilcolina, um neurotransmissor responsável pela contração muscular.

O objetivo é impedir a liberação desse neurotransmissor. Sem receber a acetilcolina, o músculo perde a sua “força” para se mexer, por isso a pele fica relaxada e a contração muscular da face é suavizada.

Mas, como seres vivos que somos, é natural que o organismo reaja a essa “invasão” e comece a produzir novos terminais nervosos para restabelecer o movimento. 

É quando o efeito do botox no rosto começa a desaparecer. 

Botox reversível: o que fazer então se der errado?

Considerando que o paciente não gostou do resultado ou que alguma intercorrência tenha havido durante o processo, a reversão do botox pode ser feita utilizando-se alguns medicamentos, que, dentro dos 15 dias após a aplicação, conseguem reverter a ação. 

É  o caso dos antiinflamatórios Biprofenid e Prednisona, ambos de alta potência, para serem utilizados, via de regra, de 12 em 12 horas por 5 dias, ou a critério do cirurgião-dentista avaliando, lógico, cada caso individualmente.

Mas antes de considerar o uso da medicação, é importante saber se ela não é contra-indicada para o paciente. 

Entretanto, se já se faz mais de duas semanas da aplicação, a reversão do botox torna-se mais lenta e o processo, talvez, não valha tanto a pena.

Nestes casos, trabalhar com laser infravermelho, sessões de radiofrequência e aplicação de DMAE na concentração certa para reverter o botox são boas alternativas. 

A recomendação, porém, é que se for algo leve e sem riscos, o paciente espere o tempo de absorção natural da substância pelo organismo. 

E, por falar nisso, quanto tempo dura o efeito do botox?

Quanto tempo dura o efeito do botox no rosto?

Quem já conhece os resultados e benefícios do botox, gostaria que fosse para sempre. =]

Mas a verdade é que o tempo de duração do botox varia de 3 a 6 meses, pois depende de alguns fatores, como a quantidade de substância aplicada, a qualidade desse material, o organismo da pessoa, o aspecto da pele, os hábitos e a rotina desse paciente, etc.

Ou seja, em uma pessoa o botox pode começar a perder o seu efeito já no terceiro mês, enquanto em outra, os resultados podem chegar até próximo do sexto mês. Apesar de ser bem difícil o botox durar todo esse tempo, mesmo com a maioria dos profissionais dizendo que sim. 

Podemos considerar um bom resultado, uma aplicação que permanece fazendo efeito até o quarto mês, quando começa a perder força. 

Por isso é importante reaplicar o botox de 4 em 4 meses. Nem menos, nem mais. Veja a explicação neste artigo. 

O que diminui o efeito do botox?

Agora que você já sabe quanto tempo dura o botox, é importante saber também que há situações em que esse tempo pode diminuir e você deixar de desfrutar dos magníficos resultados do procedimento. 

Portanto, se não é isso que você quer porque está bastante satisfeito com o resultado, veja o que você deve evitar para não diminuir o efeito do seu botox:

 

  • Caretas

 

Isso mesmo. Se o botox age relaxando a contração muscular, soa contraproducente que você estimule essa movimentação. Você sabia, por exemplo, que a careta que você faz na academia está prejudicando o seu botox? 

 

  • Fumar

 

A fumaça do cigarro afeta a nutrição dos músculos, o que diminui muito os efeitos do botox.

 

  • Não beber água

 

A falta de hidratação dos tecidos é péssima para a saúde e estética da pele.

 

  • Reaplicar antes da toxina sair totalmente

 

Acontece o famoso efeito rebote, ou seja, o seu corpo começa a se “acostumar” com a toxina, e o efeito passa a não ser mais o mesmo.

 

  • Alguns medicamentos

 

Alguns medicamentos das classes dos antibióticos e antiinflamatórios podem comprometer a durabilidade do resultado.

Chegamos ao final deste artigo com a expectativa de que ele tenha sido útil para você. Aqui, você viu que o botox é reversível e quais são as melhores alternativas para este processo. 

O ideal mesmo é que não seja necessário passar por este procedimento, e que você, ao sair do consultório após a sua aplicação de botox, esteja 100% seguro (a) e satisfeito (a). 

É o que acontece aqui na Expodonto. Com muito orgulho e dedicação, nunca realizamos nenhuma reversão de botox.

Se você também quiser ótimos resultados, fale agora mesmo com a gente.

Eu sou o Dr. Fabricio Pessone, cirurgião-dentista, especialista em Cirurgia Oral e Harmonização Orofacial (HOF) – membro da Associação Brasileira de Harmonização Orofacial (ABRAHOF).

Será um prazer atender você.

RELACIONADOS

Quanto custa botox masculino? É mais caro?
  • 20.01.2022 | POR: administrador

Quanto custa botox masculino? É mais caro que para mulheres?

O preço do botox para homens pode variar, mas aqui na Expodonto não. Veja quanto custa botox masculino e conheça os benefícios.

leia mais
Qual o preço do preenchimento labial? Confira
  • 23.01.2022 | POR: administrador

Preço do preenchimento labial, como é feito, durabilidade e mais

O preço do preenchimento labial depende de alguns fatores, mas é possível ter uma média. Saiba os valores e conheça mais do procedimento.

leia mais
Atividade física diminui o efeito do botox?
  • 01.02.2022 | POR: administrador

Por que atividade física intensa diminui o efeito do botox?

Além da atividade física, outros fatores externos podem fazer o efeito do botox durar menos. Conheça quais são.

leia mais

NEWSLETTER

Receba dicas em seu email